dijous, 17 de desembre de 2009

Nuno de Aguiar, 50 anos




















O fadista Nuno de Aguiar cumpre cinquenta anos de trajectória no mundo do fado.
Nós modestamente desde este cantinho que nasceu para que o fado e os fadistas fossem conhecidos e reconhecidos nas nossas casas, queremos também homenageá-lo e fizemos este vídeo com as suas imagens dos últimos anos.

Só quero dizer-te, amigo Nuno, que embora não tenhamos podido estar ao pé de ti na homenagem que merecidamente te fizeram os teus colegas, o nosso coração tem estado e está contigo.


Um abraço fadista

(Obrigado a nossa amiga Rita Custódio pela sua colaboração)

Trindade do nosso fado
Nuno de Aguiar / Popular *fados menor, mouraria e corrido*
Repertório de Nuno de Aguiar

O Fado, canção do povo
Por todo o mundo louvado
Não é velho, nem é novo
O fado, é sempre fado

Vozes de peso e renome / Dizem que o fado menor
Ao contrário do seu nome / É de todos o maior

Também se diz a rigor / A quem canta com mestria
Que o bom apreciador / Não dispensa o Mouraria

Com tristeza ou alegria / Qualquer fadista entendido
Dá também a primazia / Ao velho fado corrido

O corrido, traz beleza / O Mouraria, o encanto
O menor, também se reza / P’ra aliviar nosso pranto

Mais populares, entretanto / Qual dos três mais consagrado
Pai, Filho, Espírito Santo / Trindade do nosso fado

(Letra tirada do blog fadosdofado)

1 comentari:

MLeiria ha dit...

Lá estive eu; foi um espectáculo mtº agradável de homenagem ao criador do "Bairro Alto" (de C. Neves e Carvalhinho), um dos seus enormes êxitos. Pena o Jaume não poder ter estado.
Bj.
O