dissabte, 25 de juliol de 2009

Marcha de Alfama

Una de les coses per les qals desitjava començar les vacances d'estiu, era retrobar-me amb els amics Paulo i Isabel, i més encara perquè ells em duien el CD de la Carminho, pel qual no tinc prous qualificatius doncs supera totes les expectatives que pogués tenir.
Un dels temes que la Carminho ha gravat: La Marcha de Alfama de Amadeu do Vale i Raul Ferrão, ja l'havia escoltat per la Celeste Rodrigues, aquest monument Fadista, per la qual confesso tenir una passió fora límits.

Paulo, Rosa, Isabel e eu com as camisolas fadistas

Marcha de Alfama

Alfama não envelhece
e hoje parece
mais nova ainda
iluminou as janelas
reparem nelas
como esta linda.
Vestiu a blusa clarinha
que a da vizinha
é mais modesta
e pôs a saia garrida
que só é vestida
em dias de festa.

Becos escadinha ruas estreitinhas
onde em cada esquina há um bailarico
Trovas p'las vielas e em todas elas
perfume de manjerico
Risos gargalhadas, fados desgarradas,
hoje em Alfama é um demónio
e em cada canto um suave encanto
de um trono de Santo António.

Já se não ouvem cantigas
e as raparigas
de olhos cansados
ainda aproveitam o ensejo
de mais um beijo
dos namorados
já se ouvem sinos tocando
galos cantando
a desgarrada
e mesmo assim dona Alfama
só volta p'rá casa
quando é madrugada.


4 comentaris:

Américo ha dit...

jAUME FELIZ REGRESSO. Olha a Celeste esteve aqui em minha terra Vila nova De Cerveira a actuar e ao mesmo tempo tinha eu minha casa cheia de gente até ás 3 da madrugada e não pude ir ve-la. Com muita pena minha, logo calhou no mesmo dia E À MESMA HORA. UN ABRAÇO PAra ti. Américo

jaume ha dit...

Meu amigo, pena grande essa... e só pode reparar uma viagem tua para Lisboa e nos encontrar lá com a Celeste e a Tia macheta, não é?
Embora fica pendente essa viagem a Vila nova. Vou falar á sério com a nossa amiga!!!!!
una abraçada
jaume

José David ha dit...

no se escrir catalan
son portugues
qiuer dar las congratulations
per una persona que no send portguesa tiene un amor per el fado.
has comprendid?

jaume ha dit...

Querido José David, muito obrigado pelas suas palavras, acho que quem ouve o fado e tem coração tem de ficar apaixonado por ele.
Volte mais vezes neste cantinho de fado.
Abraço fadista desde Barcelona.
jaume