dissabte, 6 de desembre de 2008

Estou na casa de Paulo e Isabel (e Gonçalo)


Eu sabia da hospitalidade dos portugueses, agora fica confirmada. Os meus amigos deixarem-me a sua casa toda para mim sozinho.

Obrigadíssimo!!!






Uma casa portuguesa
Reinaldo Ferreira / Matos Sequeira / Artur Fonseca
Repertório de Amália

Numa casa portuguesa fica bem
Pão e vinho sobre a mesa
E se á porta humildemente bate alguém
Senta-se á mesa c'oa gente;
Fica bem essa franqueza, fica bem
E o povo nunca desmente;
Que a alegria da pobreza
Está nesta grande riqueza
De dar e ficar contente

Quatro paredes caiadas, um cheirinho a alecrim
Um cacho de uvas doiradas, duas rosas num jardim
Um São José de azulejo, mais o sol da primavera
Uma promessa de beijos, dois braços á minha espera
É uma casa portuguesa, concerteza
É concerteza, uma casa portuguesa

No conforto pobrezinho do meu lar
Há fartura de carinho
E a cortina da janela, é o luar
Mais o sol que bate nela;
Basta um pouco, um poucochinho p'ra alegrar
Uma existência singela;
É só amor pão e vinho
E um caldo verde verdinho
A fumegar na tigela

2 comentaris:

Manuela ha dit...

Boas Férias.
Feliz Natal
Manuela

Chela ha dit...

Las casas portuguesas bien merecen una canción. "Nelas ficase moto ben".(no se si esta bien escrio)

Tengo unas fotos de casas portuguesas para ilustrar un post con este fado. Iba a ponerlo estos días pero ando de coronilla sin tiempo para el blog. Luego irá todo seguido.

Lo que si he hecho es copiarte la letra porque así no tendré que escribirla yo en el blog cuando ponga la música.(Espero que no te importe).

Y dices bien de la amabilidad de los portugueses. Yo cuando voy me siento como en casa, ¡o mejor todavia!

Un saludo.